Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

Sol! Que bom! Vamos regar a horta?!

Aqui fica a ideia de como melhor irrigar o solo nestes dias de calor. Uma técnica ancestral: ollas. É de experimentar.
Seguir o link:
Ollas: Potes de barro para irrigação de hortas e jardins
Mensagens recentes

Inspirações

(Castro Laboreiro)
"Os problemas do mundo são cada vez mais complexos, no entanto as soluções permanecem embaraçosamente simples." (Bill Mollison)


Sentir(es)

"Sem lentidão não há paladar. (...) Os nossos estilos de vida parecem irremediavelmente contaminados por uma pressão que não dominamos; não há tempo a perder; queremos alcançar as metas o mais rapidamente que formos capazes; os processos desgastam-nos, as perguntas atrasam-nos, os sentimentos são um puro desperdício: dizem-nos que temos de valorizar resultados, apenas resultados. À conta disso, os ritmos de actividade tornam-se impiedosamente antinaturais." 
 José Tolentino Mendonça in "A mística do instante"

De mudança e de resistência à mudança...

Vamos a caminho, tentando vislumbrar cores várias e suas tonalidades e brilhos,


Coisas de Crescidos...

Temporariamente em modo de "crescida" e afastada do jardim... mas não por muito tempo! Até já.

Em Setembro Novas Flores

Os Girassóis cá andam, agora junto de outras flores, com muitas novidades mas com tempo reduzido para as relatar pois a azáfama é mais que muita. A breve trecho, esperamos voltar a este jardim e torná-lo bem viçoso. Até já!

O prazer de cuidar, ver crescer, cozinhar e partilhar

Na nossa horta nós aprendemos a prever, a planear, a observar, a regar e a cuidar, a medir, a contar, a pesquisar, a partilhar, a cooperar... 



(A semear alfaces e couves com um avô.)

(Sensibilização para proteger a horta.)

(Colheita de feijão verde e outros legumes para a nossa sopa.)

 (Cabaz da nossa horta para oferecer ao nossos amigos e parceiros educativos da Junta de Freguesia)

(As batatinhas assadas que estavam uma delícia!)
E na horta há sempre muito para fazer e aprender. E é tão bom!!! (Tão bom que até nos esquecemos de fotografar.)