Avançar para o conteúdo principal

Kandinsky e as Crianças

O projecto Kandinsky que estamos a realizar na sala nasceu a partir de um livro existente na nossa biblioteca. Depois de as crianças espontâneamente referirem qual o seu quadro preferido e de o comunicarem aos colegas, comparámos esses quadros e descobrimos que o Kandinsky nem sempre pintou da mesma forma.

"As pinturas do Kandisnky eram bonitas. Percebiam-se o que eram. Usava muitas cores. Ele gostava de pintar casas, árvores, chuva, nuvens, a sala de jantar, combóios, senhoras... As pinturas pareciam que ficavam borradas."



"As pinturas dele foram ficando riscos, não se percebia quase nada. Parecem pinturas de bebés, de crianças pequenas que fazem riscos."


"Ele também usava circulos, quadrados, ractangulos, triangulos e riscos."

Vamos continuar a descobrir mais coisas sobre este pintor e... ideias não faltam!

Comentários

Este último quadro das formas é mesmo bom para tentar reproduzir no paint...com formas...
Rute disse…
Obrigado pela dica, ainda não nos tinhamos lembrado de reproduzir os qudros do Kandinsky no paint...

Mensagens populares deste blogue

Mãos à Obra!!!

Quando o pai da I. esteve a explicar-nos "como se fazem casas" (post anterior) ofereceu-nos um presente! Vejam só...
Os tijolos, as telhas... tudo em miniatura mas em tijolo! O "cimento", a pá de pedreiro... É o máximo, não acham? Agora só faltava pôr "MÃOS À OBRA"! Foi o que fizémos! Depois de misturar o pó com a água ficámos com cimento e começámos a construir a nossa Quinta. Sim, é uma Quinta e tem um poço e até animais.Tijolo a tijolo a nossa Quinta vai crescendo! É preciso muito trabalho de equipa porque isto da Construção Civil é trabalho pesado!E quando quisermos "mudar de casa" basta pôr esta dentro de água e ficamos com tijolos para construir outra vez! Quando a nossa Quinta estiver pronta estão convidados para uma "visita", fica combinado!

O prazer de cuidar, ver crescer, cozinhar e partilhar

Na nossa horta nós aprendemos a prever, a planear, a observar, a regar e a cuidar, a medir, a contar, a pesquisar, a partilhar, a cooperar... 



(A semear alfaces e couves com um avô.)

(Sensibilização para proteger a horta.)

(Colheita de feijão verde e outros legumes para a nossa sopa.)

 (Cabaz da nossa horta para oferecer ao nossos amigos e parceiros educativos da Junta de Freguesia)

(As batatinhas assadas que estavam uma delícia!)
E na horta há sempre muito para fazer e aprender. E é tão bom!!! (Tão bom que até nos esquecemos de fotografar.)

Coisas de Crescidos...

Temporariamente em modo de "crescida" e afastada do jardim... mas não por muito tempo! Até já.