terça-feira, dezembro 05, 2006

Tombouctou no Maravilh'Arte 21



Tombouctou (séc. XII) Mali


No século XII, Tombouctou encontrava-se no trajecto das quatro mais importantes rotas de caravanas que abasteciam o mundo árabe e que atravessavam o Oriente Médio, chegando até Espanha. A acumulação de riqueza transformou-a, naquela altura, num dos mais ricos locais do mundo. Esta situação permitiu que aí se estabelecesse uma das primeiras universidades da história da humanidade, a famosa universidade islâmica, denominada Sankore alcorânica, na qual 20 000 estudantes estudavam direito, medicina, retórica, etc. Actualmente, subsiste em forma de mito, assemelhando-se assim a uma outra Antiga Maravilha, os Jardins Suspensos da Babilónia. (Este texto foi retirado daqui)


Aqui ficam algumas impressões blogosféricas acerca desta candidata a uma das 7 Novas Maravilhas do Mundo.


No NCRBLOG, o Nuno relata:

O destino é a lendária cidade de Tombouctou - ou Timbuktu - no Mali. Localizada no extremo meridional do Grande Deserto foi, desde tempos medievais, ponto de partida e de chegada das caravanas que ligavam portos mediterrânicos e o Sahel.Devido à inacessibilidade da localidade, somente no século XIX aí aportaram os primeiros europeus, após incontáveis peripécias e percalços.A cidade actual não reveste qualquer interesse turístico continuando, porém, a sua evocação a exercer um enorme fascínio em todos aqueles que se interessam pelo Sahara e pelas suas gentes.

Este post é publicado no âmbito do concurso de desenho Maravilh'Arte 21.

Sem comentários: