Avançar para o conteúdo principal

Para me conhecerem melhor...

... deixo-vos este desenho feito por um dos "meus" artistas e que me foi oferecido no último dia que estive no jardim-de-infância (que saudades!).



Comentários

pitanga disse…
Conselho de mãe: quando te mostrarem um desenho nunca perguntes o que é. Apenas diz: que lindo! e espera que ele diga. Agora se o "artista" pergunta: sabes o que é? Então foge.eheheh

beijos
Rute disse…
Oi Pitanga:

Este desenho foi feito pela criança, em casa, e oferecido com um sorriso enorme!

Também nunca pergunto o que a criança desenhou, espero que ele me conte e se é ele que me pergunta, eu digo "conta-me tu..." ou qualquer coisa do género... tentar adivinhar é muito arriscado!...

beijinhos
Cerejinha disse…
Rute!
Olá!
Quer-me parecer que te estás a dar bem pela minha terra. Tenho razão?
Desfruta bem esse teu "exilio" porque o segredo está em viver o bom da experiência e deixar esvair o mau (saudades... solidão... )rápidamente e sem lhe dar muita importância.
Aproveita para te "vingares" na tese e fazer florescer novas amizades.
ah...e lamego é muuiittoo frio no Inverno...Prepara-te...
Beijokas
Ivo disse…
É esse «reconhecimento» que valoriza a profissão, o trabalho, o esforço!!

Quem sabe se um dia essa criança não será um grande pintor! ;)

Beijo
Anónimo disse…
lindo...
pitanga disse…
Está convidada a ir ao Pitanga. As flores também são para você.
beijos e flores
Que gira! Tens uns olhos enormes, lindos!
Beijinhos
Susy disse…
Também já recebi muitos desenhos desses e sei que é bom recebe-los! :) AS CRIANÇAS SÃO DE FACTO ESPECTACULARES!
Pó_d'água disse…
Adorei as pestanas!
És muito linda Rute. :)

Beijinhos
Fatima Vinagre disse…
Eis como um gesto simples de uma criança nos pode encher o coração cheio de ternura. Bj

Mensagens populares deste blogue

Mãos à Obra!!!

Quando o pai da I. esteve a explicar-nos "como se fazem casas" (post anterior) ofereceu-nos um presente! Vejam só...
Os tijolos, as telhas... tudo em miniatura mas em tijolo! O "cimento", a pá de pedreiro... É o máximo, não acham? Agora só faltava pôr "MÃOS À OBRA"! Foi o que fizémos! Depois de misturar o pó com a água ficámos com cimento e começámos a construir a nossa Quinta. Sim, é uma Quinta e tem um poço e até animais.Tijolo a tijolo a nossa Quinta vai crescendo! É preciso muito trabalho de equipa porque isto da Construção Civil é trabalho pesado!E quando quisermos "mudar de casa" basta pôr esta dentro de água e ficamos com tijolos para construir outra vez! Quando a nossa Quinta estiver pronta estão convidados para uma "visita", fica combinado!

O prazer de cuidar, ver crescer, cozinhar e partilhar

Na nossa horta nós aprendemos a prever, a planear, a observar, a regar e a cuidar, a medir, a contar, a pesquisar, a partilhar, a cooperar... 



(A semear alfaces e couves com um avô.)

(Sensibilização para proteger a horta.)

(Colheita de feijão verde e outros legumes para a nossa sopa.)

 (Cabaz da nossa horta para oferecer ao nossos amigos e parceiros educativos da Junta de Freguesia)

(As batatinhas assadas que estavam uma delícia!)
E na horta há sempre muito para fazer e aprender. E é tão bom!!! (Tão bom que até nos esquecemos de fotografar.)

Coisas de Crescidos...

Temporariamente em modo de "crescida" e afastada do jardim... mas não por muito tempo! Até já.