Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2009

A conversa da manhã

Alguém diz: "O T. veio da China."
A A. faz uma careta e repete: "O T. veio da China?!"
Alguém acena afirmativamente com a cabeça.
A A., incrédula, chama-me: "Oh Rute o T. veio da China?!"
Eu respondo afirmativamente.
E ela, parecendo confusa, teoriza e questiona: "Então se ele veio da China como é que cá chegou tão depressa?!"

E fez-se silêncio absoluto e dezenas de pares de olhos centraram-se no meu rosto aguardando resposta... Desde que comprámos um globo terrestre a A. anda muito curiosa com as distâncias!

PNL lança novo livro digital sobre a Gripe A

De certo é mais um livro que pode ajudar não só os educadores mas também os pais a agir contra a gripe A.

Leia e oiça aqui


Já sei que a gripe A chegou
Mas eu estou bem preparado:
lavo mil vezes as mãos,
a toda a hora, em todo o lado...
Eu quero estar protegido,
e e fácil ter cuidado!
Lavo mil vezes as mãos,
a toda a hora em todo o lado...

este post também foi publicado no Jardins Saudáveis

Ainda a aceitar propostas de comunicação

I Encontro @rcaComum

29 e 30 de Janeiro de 2010

Instituto de Educação – Universidade do Minho
Braga, Portugal

Mais informação em:
http://arcacomum.wordpress.com

Nova data limite para envio de proposta de comunicação, poster ou workshop:
7 de Outubro de 2009

reciclando...

partilhando... conversando... questionando... aprendendo...

dependente... eu?!

(Parque das Nações, 2008)

Só com acesso à internet ao fim-de-semana não me oriento!!!

- Não consigo ler e responder aos e-mails de todos...
- Não consigo gerir os meus blogs nem ler os dos outros...
- Tenho ideias e assuntos para publicar e no fim-de-semana já não fazem sentido...
- Não consigo ir ao twitter nem ao facebook nem ao msn...
- Não posso ler as notícias diárias...
- Não posso pesquisar e esclarecer as minhas duvidas, que às vezes são mais que muitas...
- Não consigo comunicar com determinadas pessoas...
- É difícil corresponder efectivamente a determinadas responsabilidades que me foram confiadas e a compromissos que efectuei...
Dependência ou necessidade?!
O computador e a internet são parte integrante da minha vida diária, preciso deles e não posso continuar assim!

Há quem não queira aprender!

Consegui segurar estas (e outras) palavras por "respeito" ao "senhor" que era um bocadinho mais crescido do que eu (e com mais força também!!).

Mas sinceramente... atirar um saco preto (daqueles de 50L) cheio de garrafas de cerveja para o chão, junto ao caixote do lixo, e ficar tudo cheio de vidros... não se faz!

Tivesse eu mais uns 20cm, mais uns 30Kg e menos poder de segurar palavras... e ele não me escapava!!!

Enfim... fiquei-me pela convicção de que o ecoponto que comprei para o jardim-de-infância poderá fazer a diferença porque... as crianças querem realmente aprender!!!

dias e dias e mais dias

No final de uma semana e meia no novo JI o balanço é muito positivo.

A timidez inicial de alguns dá lugar à naturalidade e à espontaneidade. O interesse e a vontade de aprender torna-se evidente e criam-se as primeiras cumplicidades. As personalidades revelam-se aos poucos e as dificuldades e motivações ganham forma.

Num espaço físico muito agradável todas as crianças se sentem bem e eu também! Estamos a organizar o ambiente educativo em conjunto e cada vez mais vamos sentindo a sala como a "nossa" sala.

Por agora o interesse nos aniversários e no tempo cronológico é grande mas também difícil de compreender. Várias crianças fazem anos este mês e com o chegar da "data mais importante" chovem as questões:

- "Setembro é hoje?"

- "Depois de amanhã é sempre?"

Perguntas difíceis a que vamos tentando dar respostas e que só o tempo responde de forma evidente e correcta.

Crianças fóbicas e egoístas?!...

"são muitas as informações e regras que pais e professores estão a dar aos mais pequenos para prevenir a gripe A, mas não estarão pais e professores, a educar crianças fóbicas e egoístas?"

É esta a pergunta de fundo do artigo do Público que pode ler na íntegra aqui.

Pais, professores, psicólogos e pediatras estão preocupados com a gripe A e com a educação das crianças. No artigo do Público há opiniões diversas que vale a pena conhecer para melhor agir e mensagens que são importantes reter.

Para nós educadores de infância que nos preocupamos e enfrentamos diariamente todas estas questões, José Morgado diz:
"é importante que as crianças compreendam os riscos da gripe A (...) Mas também são importantes as experiências que o pré-escolar proporciona como a descoberta dos materiais, a partilha ou a cooperação entre os mais pequenos (...) tudo coisas que devem, nos próximos tempos, evitar".

Por sua vez, Helena Marujo indica-nos que devemos ensinar os cuidados com a Gripe A com…

Poças...

imagem daqui

Nunca fui fã do "sentar com perninhas à chinês" (nem da expressão em si nem do modo de sentar que habitualmente designa).

Penso que nos devemos sentar de uma forma que seja confortável sem interferir com os outros mas há jogos em que é conveniente nos sentarmos de determinada forma e a situação no JI era essa: sentar em roda com as pernas cruzadas.

Mas de tanto ouvir a expressão e porque algumas crianças a identificam com mais facilidade disse: "sentar em roda com perninhas à chinês". Todos sentavam-se respeitando a "ordem" por mim proferida, excepto a criança chinesa que tentava encontrar a melhor forma de se sentar, enquanto eu me dava conta do absurdo e do despropósito da expressão usada!

No dia seguinte, a situação requeria mais uma vez que nos sentássemos na mesma posição e referi que nos sentássemos "em roda com as pernas cruzadas". A criança chinesa ficou de cócoras e assim permaneceu, de certo mais confortável. Li aqui uma si…

entre montes e vales

Como um "programa de festas" bem preenchido, os dias no novo agrupamento têm sido ocupados com reuniões, formações, Gripe A, conversas e mais reuniões, arrastar de móveis, elaboração de documentos e preparação de reuniões, Gripe A e mais reuniões e mais conversa...

Assim se conhecem colegas novos e outros que até já foram colegas de colegas nossos.

Assim se retomam parcerias de trabalho com "vizinhas do lado" e se iniciam outras com quem acabámos de conhecer.

Assim voltamos a encontrar crianças e pais que já conhecíamos mas não "daqui".


Assim percebemos que entre montes e vales o mundo não é assim tão grande e os nossos caminhos continuam a cruzar-se.

Bom início de ano lectivo para educadores/professores, crianças, pais e famílias.

Teaching Tips

De vez em quando gosto de passear pela net e ver o que se vai fazendo nos jardins de infância dos outros países e ver outros ambientes educativos, outros educadores, outras práticas...